Como automatizar a DU-E

Imagem
Automatização garante agilidade e evita inconsistências   A DU-E (Declaração Única de Exportação) foi criada para trazer melhorias à atual legislação brasileira ao desburocratizar o processo logístico das exportações. Atender a essa exigência demanda muito tempo e atenção dos terminais, que buscam automatizar o processo. Essa automatização é possível uma vez que o governo já disponibiliza toda a documentação e estrutura necessárias para que as empresas desenvolvam a integração com o Siscomex . As empresas que buscam por essa automatização, podem contar com o serviço da T2S . Com ele é possível automatizar as seguintes parte dos processos:  Recepção por Contêiner Recepção por Nota Fiscal Eletrônica (NF-e) Consulta de Contêineres Consulta DU-E, RUC e RUC Master Por que automatizar a DU-E A DU-E exige o preenchimento de 36 campos e algumas informações da Nota Fiscal de Exportação (NF-E). Em geral, exportações com poucos itens podem ser feitas com facilidade, porém, em processos com mais

TOPS-Advance otimizará as operações de novos investimentos portuários, na Indonésia



Depois de implantar o Terminal Operating System (TOS) TOPS-Advance no terminal Tekluk Lamong (Lamong Bay), no Porto de Surabaia, na Indonésia, a australiana Realtime Business Solutions (RBS) otimizará as operações de outro terminal no País, trata-se do Patikemas Samarang, localizado em Java, ilha que abriga a Capital Jacarta.

Uma vez instalado, o pacote TOPX trabalhará junto aos RTGs automatizados da Konecranes (ARTG). Neste projeto, o TOPS abrange tanto o processo de planejamento, quanto à execução, incluindo o empilhamento por meio do ARTGs.

Os terminais automatizados integram os planos do governo indonésio, o qual prevê a construção de 170 portos marítimos, além de nove navios porta-contêineres.

LAMONG BAY – Peça-chave no programa nacional de desenvolvimento marítimo, Lamong Bay é o primeiro porto guiado pelo conceito de preservação ambiental, no País. Inaugurado pelo presidente Joko Widodo, no dia 22 de maio, a expectativa é que o terminal aumente a capacidade anual do porto de 1,5 milhões para 3,5 milhões de TEU. Ao alcançar o nível máximo de operação, o Lamong Bay movimentará 5,5 milhões de TEU anualmente.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Port Community Systems será implementado no Brasil

Fique atento às mudanças do ADE 02

Indústria 4.0: entenda o conceito e as oportunidades que ela promove