Postagens

Mostrando postagens de 2018

5 razões para ter um software para gestão de frotas

Imagem
Gerenciar frotas, principalmente com um grande número de veículos e com cargas de alto valor agregado na estrada, é um grande desafio. Afinal, existem inúmeros fatores que precisam ser considerados antes de um caminhão pegar a estrada e também durante a viagem – da manutenção ao gerenciamento do trajeto, tudo precisa ser pensado para evitar problemas.

Sistemas para o setor portuário: 3 dicas para um desenvolvimento de sucesso

Imagem
A implementação de sistemas para o setor portuário (ou qualquer outro) é mais do que simplesmente instalar um software e treinar a equipe para utiliza-lo. Para garantir os bons resultados que são esperados, esse processo é um pouco mais longo e começa antes mesmo do desenvolvimento do sistema. Afinal, é necessário garantir que desde as primeiras linhas do código do programação até o go live tudo esteja dentro do planejado.

Apenas 9% dos terminais portuários no mundo são semi-automatizados

Imagem
Os números contidos nos índices de produtividade são mais do que meros números para terminais de contêineres. Afinal, é com base nestes dados que operadores portuários fazem negócios que podem ser fechados ou perdidos em instantes. Por isso, existe uma maratona em busca de uma produtividade cada vez maior e ela resulta em uma revolução no setor portuário: a automação de cada vez mais funções.

Confira as novidades apresentadas na 18ª edição da TOC Americas 2018

Imagem
A TOC Americas, um dos principais eventos de portos e transporte do mundo, aconteceu entre os dias 13 e 15 de novembro no Panamá e a T2S - empresa especializada em soluções de software para o setor portuário - participou de mais uma edição. Representada pelos diretores Ricardo Pupo Larguesa e Rodrigo Lopes Salgado, por meio de uma conferência técnica internacional, estavam presentes para discutir os principais problemas do setor e novidades tecnológicas.

Perspectivas econômicas e comerciais, automatização, tecnologia limpa e os desafios portuários, foram alguns dos temas abordados durante o evento que contou com a participação de grandes nomes do setor.

Primeiro dia No primeiro painel do evento, empresas como Stop Connections, Camco Technologies, Liebherr, TBA Group, Advent Intermodal Solutions LLC e Portel Logistic Technologies trataram de assuntos como a utilização de software para gerenciamento da manutenção eficiente de equipamentos; como usar automação por OCR no gate para conseg…

Fraude em licitações e contratos superfaturados no Porto de Santos somam R$ 37 milhões

Imagem
Após vazamento de um vídeo em 2017, onde um assessor do presidente da CODESP (estatal responsável pela gestão do Porto de Santos) confessa a prática de irregularidades na empresa, o Ministério Público juntamente com a Controladoria Geral da União e a Receita Federal iniciaram um inquérito para investigar fraudes em licitações e superfaturamento de contratos que somam R$ 37 milhões.

Dentre as irregularidades, foram identificadas fraudes nos processos relacionados à aquisição e manutenção de softwares e consultorias que visam o favorecimento de um “cartel” de empresas. “Começamos a desarticular uma das maiores organizações criminosas de valores atuando no Porto de Santos. Há elementos que indicam a atuação no Porto de Santos há muito mais tempo do que os contratos analisados.” diz o procurador-chefe da Procuradoria-Geral da República de São Paulo.

No dia 31/10/2018 foi iniciada a operação chamada “Tritão”, dentre os alvos estão: Jose Alex de Oliva, presidente da CODESP, que foi preso e…

IoT no cenário logístico e suas principais mudanças

Imagem
A Internet das coisas (IoT) está mudando drasticamente o funcionamento de vários setores de trabalho. E, claro, a logística está na lista dos “afetados” pelo surgimento e fortalecimento dessa metodologia. Afinal, esse é um setor que busca atualização constante e a logística 4.0 já é uma realidade no mercado.

Aplicações mobile para a logística portuária pra quê?

Imagem
A tecnologia é a cada dia mais aliada de grandes empresas do setor logístico. Não importa se estamos falando de armadores portuários, despachantes aduaneiros ou empresas que realizam o transporte final das cargas, uma coisa é certa: para o bom funcionamento de suas atividades, existem intervenções tecnológicas no processo.

Como adquirir um software para o setor portuário

Imagem
O projeto para adquirir um software normalmente envolve algumas dúvidas como, por exemplo, como fazê-lo, por onde começar e a sua importância para o desenvolvimento da empresa. Afinal, além de ser um passo importante para as operações estamos falando também de um investimento e, por isso, é preciso entendê-lo de maneira detalhada. 
Primeiramente, adquirir um software pode trazer diversos benefícios para a sua rotina empresarial. Entre eles podemos citar:  Otimização de setores; Maior facilidade na resolução de processos; Aumento na precisão dos dados para decisões.  Por isso, o primeiro passo para adquirir um software é entender o que você realmente precisa e quais são as prioridades. Em seguida, também é importante ter em mente a flexibilidade da solução escolhida e como a manutenção será feita. Também é preciso definir os requisitos e pensar na integração com os outros sistemas, caso existam. Mas, as empresas do setor portuário podem contar com a expertise da T2S – especializada em …

Crane Team UI: Conheça o novo módulo do Navis N4

Imagem
Apesar de todo o aparato tecnológico, o uso de papel ainda é recorrente no cotidiano de terminais portuários. Afinal, a todo momento são impressos documentos como, por exemplo, o mapa de compartimentos de navios e cópias de filas de trabalho. Para além do desperdício de recurso, utilizar este tipo de comunicação também significa perder tempo, já que qualquer pequena alteração demanda uma nova impressão dos dados.

Blockchain e seu impacto no setor portuário

Imagem
Se houvesse um título de palavra mais usada no ano, em 2018 ele provavelmente iria para o termo “Blockchain”. Afinal, essa foi uma tecnologia que ganhou destaque no decorrer dos meses - seja por conta do boom das Bitcoins ou outros fatores. E mais do que estar na boca do povo, o blockchain também está ganhando a indústria, inclusive o setor portuário. 

Contrato de suporte: o que é e razões para assinar

Imagem
Tão importante quanto ter tecnologia de ponta em suas operações, é garantir seu funcionamento completo e as atualizações necessárias. Afinal, essa é a única maneira de evitar dores de cabeça e de alcançar o objetivo traçado ao implementar cada sistema em seu cotidiano operacional. É assim para qualquer empreendimento, mas quando falamos de operadores portuários a necessidade tende a ser ainda maior. Isso porque boa parte do funcionamento de seus negócios depende de softwares e outras tecnologias. Ou seja, o mal desempenho, mesmo que parcial, é sinônimo de prejuízo.

Os avanços do OCR no Setor Portuário

Imagem
A tecnologia de OCR (Optical Character Recognition), ou reconhecimento ótico de caracteres), evoluiu muito desde a época em que sistemas de inteligência artificial não conseguiam diferenciar bolinhos de focinhos de cãezinhos de estimação. E algumas empresas do mercado tem trabalhado muito para que essa tecnologia traga benefícios para o Setor Portuário.
Há 30 anos atrás seria praticamente impossível imaginar o que a tecnologia nos proporcionaria hoje. A despeito da obsessão da indústria de cinemas por carros voadores e da indústria da tecnologia por geladeiras conectadas (convenhamos que são tecnologias que não trazem assim tantos benefícios para o nosso dia-a-dia), o reconhecimento de objetos evoluiu muito. Hoje a acurácia dos sistemas chega próximo dos 100% e o uso da tecnologia traz benefícios importantes como agilidade e segurança.
Mas ainda é uma tecnologia que demanda equipamentos muito caros. Geralmente é preciso investir em uma infraestrutura de alvenaria bem complexa assim c…

Privatização das Companhias Docas é promessa para os próximos anos

Imagem
Entre as propostas do plano de governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, está a privatização das Companhias Docas - estatais que administram os portos brasileiros (inclusive a Codesp). De acordo com o texto, o objetivo é melhorar a infraestrutura do país, já que segundo o Global Competitiveness Report (2017) do World Economic Forum os portos brasileiros ocupam a posição 106º entre os estudados. A meta é que já em 2019 o investimento pule de R$ 110 bilhões para R$ 180 bi. Até o último ano de mandato, 2022, o valor deve ser de R$ 250 bilhões.

Por que é tão difícil negociar com o Governo?

Imagem
Atuando há mais de uma década no setor portuário estou convicto que negociar com o governo, principalmente em situações mais complexas, é uma tortura comparável àquelas que sofremos quando tentamos solicitar o cancelamento de alguma cobrança indevida ao call center de uma operadora de serviços de telecom. Explico...

Teste de Software: razões para realizá-lo

Imagem
Por maior que seja o planejamento de um software e mais cuidadoso que seja seu desenvolvimento, erros podem acontecer. E, mais do que isso, outros problemas podem ser revelados após a finalização de um projeto. Tais como, por exemplo, não responder a todos os requisitos da maneira desejada ou ter 100% de suas funções trabalhando corretamente. Neste sentido, realizar teste de software pode se mostrar uma saída para validar o sistema.

O Sistema de Desempenho da Navegação (SDN) da ANTAQ e seus benefícios para a Logística Portuária

Imagem
Neste mês de outubro de 2018 a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (ANTAQ) apresentou o seu Sistema de Desempenho da Navegação (SDN). A apresentação aconteceu na quinta, dia 4, em Brasília pelo Gerente de Regulação da Navegação Marítma, Rodrigo Trajano. o SDN é um sistema informatizado que tem por finalidade receber, pela internet, informações técnicas e operacionais sobre frotas das empresas brasileiras de navegação, suas atividades operacionais e preços.
O sistema foi submetido a uma fase de testes, disponibilizando o acesso ao módulo de apoio portuário para a iniciativa privada experimentá-lo. Assim, as empresas podem enviar sugestões de melhorias. O diretor-geral da ANTAQ, Mário Povia, pediu que o setor regulado envie sugestões para que a agência incremente a ferramenta tecnológica. E destacou que o objetivo do SDN é conhecer o setor e não controlar preços.
É uma excelente iniciativa. Porém espera-se que, diferentemente do que o módulo atual utilizado para serviços de tra…

Atualização do Navis N4: o que fazer?

Imagem
Os principais operadores de terminais portuários do mundo utilizam o Navis N4 como sistema operacional de terminal (TOS). Por isso, uma questão frequente em todos eles é: o que fazer com a próxima atualização divulgada pela Navis? Afinal, é comum que a empresa lance novas versões do sistema – com melhorias, novos recursos e correções necessárias - de tempos em tempos. E a atualização não é tão simples quanto parece.

Importância da análise de aderência de sistemas

Imagem
Existem diversos sistemas prontos no mercado prometendo resolver diferentes demandas. Por isso, na hora de encontrar o software ideal para a sua organização o primeiro passo é descobrir se é mais vantajoso optar por um deles ou um sistema personalizado. Quem passa por esse processo e decide ficar com um sistema pronto, provavelmente, terá em seguida outra decisão importante a ser tomada: qual dessas tantas opções trará o melhor resultado para o cotidiano corporativo?

5 vantagens de um software personalizado

Imagem
O bom desempenho das empresas está cada vez mais atrelado a softwares. Afinal, operações precisam ser integradas e a comunicação deve acontecer de maneira prática, isso apenas para ilustrar. Em outras palavras: este é um investimento recorrente e que merece atenção – principalmente quando falamos de empresas que tenham necessidades muito especificas como, por exemplo, operadores portuários. Já que soluções prontas podem ser mais genéricas ou não entenderem a todas as demandas cotidianos. 
Neste caso, a saída é optar por um software personalizado. Afinal, deste modo você terá um sistema totalmente baseado na sua rotina operacional. 
Apesar disso, é comum que o comparativo entre o software personalizado e o de prateleira (como é chamada a solução pronta) gere uma série de dúvidas. Tendo em vista que, em um primeiro momento, o produto pronto tem um valor menor e a implementação tende a ser mais rápida. 
Por outro lado, o investimento no software personalizado tem um custo menor (a longo…

Contratar um desenvolvedor Full Stack ou Especialistas: O que é mais produtivo?

Imagem
Tecnologias são atualizadas cada vez mais rápido e, como consequência, os profissionais de TI precisam elevar suas aptidões e conhecimentos com maior frequência. Também como resultado, os requisitos para a contratação de um desenvolvedor ou um serviço são maiores. Neste sentido - somado a necessidade de metodologias ágeis - a busca por profissionais full stack se fortificou nos últimos tempos. Mas, é realmente válido contratar um desenvolvedor full stack ou especialistas?

A resposta para essa dúvida não é simples. Mas, a T2S – com base em seus 15 anos atendendo o setor portuário - vai te ajudar a encontrar o melhor caminho para a sua situação.

Front-end X Back-end X Full Stack

Primeiramente é necessário entender o fluxo básico de desenvolvimento de um projeto:

          1. Análise
          2. Prototipagem
          3. Desenvolvimento
               3.1 O desenvolvedor front-end o transforma o layout em código;
               3.2 O desenvolvedor back-end escreve o código no lado do se…

Papel e importância do SMDG na logística portuária internacional

Imagem
Se você trabalha com EDI ou teve algum contato, provavelmente, se questionou como tais padrões são criados. Mas como a tecnologia é tema de diversas dúvidas, essa acaba não sendo a mais urgente e, como consequência, fica sem resposta, correto?


Saiba como suprimir burocracias do setor portuário

Imagem
Burocracia é uma palavra que faz parte do vocabulário dos brasileiros.

E não é assim só em serviços do cotidiano. Grandes setores, como o portuário por exemplo, também sofrem  com a redundância de processos e o tempo que isso demanda. Só para exemplificar, de acordo com um estudo feito pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), neste setor as burocracias são sinônimo de gastos adicionais que vão de R$ 2,9 bilhões a R$ 4,3 bilhões por ano.

Isso porque os trâmites acarretam na demora de liberação da carga no porto e na gestão da documentação necessária. Mas, além destes existem vários outros  pontos frágeis no ramo.

Medidas podem ser tomadas para que essas cifras não sejam tão alarmantes. Neste sentido, a T2S tem serviços ideais para cada empresa do setor portuário.

Como suprimir burocracias do setor portuário

Há 15 anos desenvolvendo soluções de software para o setor portuário, a T2S atende os maiores terminais do país. Em grande parte dos casos, os especialistas são procurados par…

Como avaliar a aderência de um software?

Imagem
Você decide que vai adquirir um software. Então, precisa definir seu requisitos, desenvolver e testar até que o projeto finalmente chegue em seu go live. Mas, o dia mais esperado de todos não é exatamente o fim do projeto. Aliás, em termos técnicos é, já que é neste dia que ele começa a rodar. Porém, na prática é neste momento que nascem outras demandas, como por exemplo:
Aparar as arestas da implementação;Treinar os colaboradores para lidarem com o sistema;Acompanhar os resultados trazidos pela nova tecnologia. É sobre o último item citado que o blog Tecnologia Portuária vai falar neste artigo. Isso porque, avaliar a aderência de um software é uma questão que levanta dúvidas em todos os setores, inclusive entre os profissionais que atuam com o T.I de portos.

Se você está passando por esse momento, vale a leitura e até uma conversa com a equipe da T2S - empresa especialistas em softwares para o setor portuário.

Como avaliar a aderência de um software

Existem diversas maneiras de analis…

A importância da manutenção de software

Imagem
A cultura da informatização dos processos não é uma novidade para grandes organizações e até empresas menores. Afinal, automatizar garante maior produtividade de setores e outros diversos benefícios. Mas, o que muita gente não leva em consideração é a importância da manutenção de software.

E, de acordo com especialistas, essa é uma prática que deve ser constante.

Se acaso você não sabe qual a importância da manutenção de software, A T2S irá te ajudar a entender melhor. E ao fim da leitura você vai e colocar a atividade no seu orçamento anual.

Manutenção de software: por que fazer?

Primeiramente, é importante entender que o conceito de manutenção é diferente quando falamos de um equipamento físico (como um computador, por exemplo) e um software. Afinal, normalmente o primeiro vai para a manutenção por apresentar algum dano causado pelo tempo de uso. Mas, defeitos não surgem por conta do tempo de uso de um sistema, ou seja, as razões e o serviço prestado são totalmente diferentes.
Em re…

Manutenção no sistema de boletos de empresa de grande porte do setor de transporte marítimo é feita pela T2S

Imagem
Quem contrata os serviços de transporte marítimo de uma das grandes empresas deste setor no Brasil é direcionado a um portal interno para a emissão de boletos bancários referentes às taxas de frete (manifestadas e locais).

Em janeiro de 2018, a companhia em questão contou com a expertise dos especialistas da T2S para fazer algumas alterações no sistema responsável por essa operação. Antes da manutenção, o portal do cliente emitia notas apenas em nome de um banco e essa era uma das alterações necessárias para maior comodidade dos clientes da empresa.

Para atender à demanda, a T2S – empresa especializada em soluções de software para o setor portuário – trabalhou em uma manutenção evolutiva no portal interno. Com as alterações, o sistema passou a emitir notas em nome dos bancos Santander e Itaú e os funcionários da empresa passaram a ter autonomia para definir o banco de cada cliente e um padrão para determinadas faturas.

Todo desenvolvimento foi realizado em cima do portal, com a criaç…

O que um Portal de Serviços pode fazer por seus clientes?

Imagem
Os processos administrados por empresas que operam portos no Brasil são, normalmente, muito individuais. Mas, interações com outras organizações são feitas a todo momento. Afinal, no cotidiano de trabalho é preciso consultar operações, interagir com processos e agendar a entrega e retirada de carga, por exemplo.

Por isso, ter um portal de serviços integrado que agrega múltiplas funcionalidades a papéis específicos, é tão importante. Mas, esse não é o único motivo para colocar o investimento como prioridade. Para ajudar a entender melhor, a T2S - empresa especializada em soluções de software para o setor portuário - te explica os outros benefícios que o portal de serviços vai proporcionar.

Primeiramente, com o portal de serviços seus clientes passam a ter autonomia para fazer algumas solicitações sem a ajuda dos funcionários do terminal. Consecutivamente, poupa-se tempo de setores, o que otimiza o trabalho interno da sua organização. Assim como os clientes passam a ter mais agilidade …

Progressive Web Apps: O que é e como muda soluções mobile

Imagem
Um dos assuntos mais comentados nas últimas edições do o Google I/O, assim como em outros eventos focados em tecnologia, foi o Progressive Web Apps (PWA). O tema está em pauta por acreditar-se que se trata de uma nova maneira de oferecer experiência aos usuários na web a partir de aparelhos mobile. Já que o PWA cria um novo nível de qualidade para o acesso a sites a partir de celulares e tablets, por exemplo.

O número de acessos nestes dispositivos só cresce, o que faz pensar em usabilidade necessária.

Por isso, a T2S – especialista em soluções de software para o setor portuário – vai te ajudar a entender o que é o Progressive Web Apps na prática e porque isso pode potencializar sua solução mobile.

O que é Progressive Web Apps

Primeiramente vamos a uma breve explicação. Progressive web apps são experiências que unem o melhor da web e dos aplicativos, ou seja, você não terá um aplicativo nativo, mas sim um site que tem suas funcionalidades.

Isso significa que ao acessar o seu site, de …

Por que desenvolver seu próprio Dashboard de Indicadores?

Imagem
Por conta da alta do Big Data, o investimento em sistemas que integram dados operacionais e administrativos tornou-se frequente em empresas de diversos setores. Afinal, as soluções também apresentam as informações de maneira integrada nos dashboards de indicadores.

Em resumo: essa é uma solução que traz agilidade e confiança para os processos rotineiros.

Aplicar essa tecnologia ao dia-a-dia de uma empresa ou setor é diferente para cada cenário. Mas no que diz respeito a empresas relacionados a porto a solução está no desenvolvimento de seu próprio dashboard de indicadores. Basicamente, isso significa desenvolver um portal de gerenciamento de indicadores como, por exemplo, descarga e embarque totalmente personalizado para a rotina de trabalho.

Esse tipo de solução é habitualmente feito pela T2S - empresa especializada em soluções de software para o setor portuário. E, de acordo com a expertise dos especialistas da empresa, é seguro dizer: a melhor centralização e precisão no registro …

Lean TI: O que é e vantagens de adotar

Imagem
A Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) é um setor já consolidado e que vem ganhando ainda mais força dentro das empresas. Por isso, é comum que o setor também seja a central de diversos negócios e como consequência precise de mais investimentos e atualizações constantes.

Afinal, estamos falando de tecnologia e comunicação. Duas coisas que mudam o tempo todo.

Conseguir a eficiência necessária neste setor pode ser uma tarefa mais fácil, desde que a empresa adote os recursos necessários. Neste sentido, uma das possibilidades mais vantajosas é a aplicação da metodologia Lean.

O que é a Lean TI?

Caso você não saiba do que se trata, a T2S – empresa especializada em soluções de software para o setor portuário - vai te explicar neste artigo. Além de dar boas razões para adotar a Lean TI no departamento de TIC o quanto antes.

Primeiramente, lean em inglês é esguio ou enxuto. Em um resumo rápido, a metodologia Lean é baseada no Sistema Toyota de Produção. Então, estamos falando de evita…

Tendências em TI para 2019: Planeje seu orçamento sabendo!

Imagem
Estamos na época em que todos começam a planejar o orçamento anual da empresa, ou seja, chegou o momento de projetar quais são as prioridades de cada setor. Para os gestores de TI, isso significa pensar em sistemas que precisam ser atualizados, no que tem que ser desenvolvido do zero e em novas tecnologias que podem melhorar a produtividade da empresa.

Também é importante ter em mente quais são as tendências dentro da tecnologia da informação. Afinal, quem não se moderniza acaba ficando para trás se comparado aos concorrentes e ninguém quer isso, né?

Neste sentido, este artigo vai ajudar as empresas do setor portuário a planejar o orçamento do departamento de TI. Afinal, nós listamos as 4 maiores tendências em TI para 2019.

1. Blockchain

A expressão se tornou popular por conta do crescimento das criptomoedas, mas aqui estamos falando de um uso mais genérico: o Blockchain irá te ajudar a deixar o registro de transações mais seguro.  Isso porque assim haverá um registro de toda a movime…

Presença de carga: Como integrar com eficiência?

Imagem
De acordo com a legislação brasileira, toda mercadoria que ingressa no país (importada a título definitivo ou não), deve ser declarada no Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex). Por isso, faz parte da rotina dos operadores portuários comprovar a disponibilidade da carga recolhida sob sua custódia.

Acontece que quanto maior a movimentação é, maior também é a demanda. Então, é preciso encontrar maneiras de otimizar tempo e evitar filas nos gates. Neste sentido, a DU-e traz melhorias. Mas, só isso não é suficiente. Afinal, as operações são contínuas e o investimento em automação também deve ser.

Por isso é muito importante fazer a presença de carga de forma eficiente e integrada.

O que fazer com a presença de carga? 

Com base em sua expertise, a T2S – empresa especializada em soluções de software para o setor portuário – vai te ajudar a entender este cenário.

Primeiramente é interessante saber que a sistematização da presença de carga com a Receita Federal vai diminuir o conta…

O que propõem os candidatos à presidência para o Setor Portuário?

Imagem
Em outubro (domingo, dia 7) brasileiros vão às urnas escolher o próximo presidente do país. 
No total, treze candidatos disputam o cargo, ou seja, existem diversas propostas para o futuro do país em inúmeras frentes sendo divulgadas por cada um deles. Mas, acontece que nem todos os assuntos têm espaço nos debates ou nas propagandas políticas, por exemplo. O que pode dificultar na hora da escolha do seu candidato.

Requisitos de software: 5 dicas para serem simples e eficientes

Imagem
Uma das principais causas do insucesso de um projeto de software é a falha no levantamento dos requisitos.

Big data: o que fazer com os meus dados?

Imagem
Todos os dias, 2,5 quintilhões de bytes são criados no mundo.

É inviável automatizar os terminais de contêineres do Porto de Santos?

Imagem
Sim! Pelo menos é o que conclui o trabalho de conclusão de curso escrito pelos formandos de Engenharia Civil Ítalo M. F. de Araújo, Layla de Oliveira e Rafaella R. T. Lapetina.


O trabalho dos formandos, que está disponível na biblioteca da Universidade Santa Cecília, já foi noticiado pelos principais meios de comunicação da região e do setor portuário. Orientados pelo Prof. Me. Adilson L. Gonçalves, os alunos formularam duas hipóteses para comprovar sua tese:

Os terminais de contêineres do Porto de Santos precisarão passar por adequações estruturais e funcionais;A automação tende a reduzir a demanda por mão de obra, relocação e treinamento de pessoal. Os alunos estudaram o surgimento do contêiner e a história dos terminais deste tipo de carga. Também estudaram referências internacionais de automação e fizeram uma análise crítica do estágio atual dos Portos Brasileiros sob o aspecto da automação.
A conclusão dos formandos foi de que as crises econômica e política do país não são os únic…

16º Santos Export Brasil e o futuro do Porto de Santos

Imagem
No dia 11 de setembro de 2018 aconteceu o Santos Export 2018, 16º fórum internacional para expansão dos Portos Brasileiros. Trata-se de um evento anual e que conta sempre com a presença de personalidades muito influentes no Setor Portuário.

Aconteceu uma cerimônia no dia 10 para a abertura do evento. Contou com a presença do ex-governador Geraldo Alckmin, do candidato ao Governo do Estado, Sr. Márcio França, e de outras personalidades do cenário político brasileiro.

No dia 11 não aconteceu a palestra agendada do Luis Otávio Campos, Secretário Nacional de Portos do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil. Ocorreram 2 painéis sobre o Marco Regulatório ainda pela manhã e os dois pontos principais discutidos foram: 1) a necessidade de regionalização do Porto de Santos e; 2) a mudança do modelo de governança do Porto. Muito se discutiu, mas não houve um compromisso concreto de mudanças. Os representantes do setor produtivo comentaram as vantagens da regionalização e apresentara…