Como lidar com a alta demanda no mercado de TI?

Imagem
 Diretor da T2S comenta problemática da demanda por profissionais de TI A pandemia acelerou a transformação digital nas empresas. Com isso, a demanda por profissionais de Tecnologia da Informação (TI) aumentou, e as companhias passaram a lidar com a falta de mão de obra qualificada. De acordo com a Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e de Tecnologias Digitais (Brasscom) , em 2019, o número de alunos formados era de 46 mil, enquanto que a demanda estimada para o período de 2019 a 2024 chegaria a aproximadamente 70 mil. Com isso, o estudo estimava um déficit potencial anual de 24 mil profissionais de TI. No entanto, somente para este ano, a expectativa foi de 56 mil novas oportunidades de trabalho criadas, enquanto que em 2020, já considerando a pandemia, a expectativa era de 43 mil novas vagas sem preenchimento. “Esse efeito é como aquela máxima de o mercado se regular entre a oferta e a procura. A demanda de novas vagas, sempre foi maior que a oferta

Diretores da T2S participam de mesa redonda no Citeg

Evento falou empreendedorismo a alunos da Fatec




Na útima sexta-feira (22), os diretores da T2S, Ricardo Pupo Larguesa e Rodrigo Lopes Salgado estiveram presentes em outra programação do Citeg (Congresso Internacional de Tecnologia e Gestão), promovido pela Fatec Rubens Lara, em Santos.

O evento aconteceu no formato “mesa redonda” e contou com a presença de outros empresários da região, que falaram sobre suas trajetórias empreendedoras, compartilharam experiências e deram dicas aos presentes sobre como desenvolver e manter uma ideia de negócio.

Participantes ouviram dicas sobre empreendedorismo e mercado de trabalho

Larguesa falou sobre o início da T2S, estratégias que a fizeram reconhecida dentro do setor em que atua e que contribuíram para que conquistasse a confiança dos maiores terminais portuários do Brasil e iniciasse seu processo de internacionalização.

Ele também falou sobre o perfil do profissional esperado no mercado de trabalho e destacou que “comprometimento e honestidade” são características essenciais para o bom desenvolvimento do colaborador, assim como a capacidade de resolver problemas.



“É importante saber fazer o simples. Hoje em dia, principalmente na área de TI, a novos analistas estão chegando ao mercado muito presos às tecnologias e esquecem que sua função é resolver problemas. O foco é entregar resultado e não perder tempo com o que não importa”, enfatizou.

Na ocasião, ainda deu “dicas práticas” para quem tem interesse em empreender. 

Para Larguesa, profissionais devem saber fazer o simples para entregar resultados

Sobre o Citeg

Com o tema "Inovação e Desenvolvimento Tecnológico", o Citeg  é marcado por uma série de palestras e cursos com o objetivo de promover a interação entre a universidade e os empresários da região.


Sobre a T2S

A T2S é uma desenvolvedora de sistemas de logística portuária, no mercado desde 2003.

É especializada na criação de soluções sob demanda e, desde que iniciou suas atividades já conta com mais de 200 projetos, 100% entregues e presença em mais de 11 estados brasileiros.

Com a presença acadêmica constante de seus sócio-fundadores Rodrigo Lopes Salgado e Ricardo Pupo Larguesa, capta os melhores talentos das universidades e, portanto apoia iniciativas que contribuem para o desenvolvimento tecnológico da região, como o Citeg, em que é patrocinadora.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Port Community Systems será implementado no Brasil

Fique atento às mudanças do ADE 02

Atualização do Navis N4: o que fazer?