TOC Americas 2019: confira as novidades apresentadas na 19ª edição


Os painéis contaram com debates sobre energia limpa, automação e produtividade

A T2S - Tecnologia, Soluções e Sistemas, empresa especializada em soluções de software para o setor portuário, esteve em mais uma edição do TOC Americas, que aconteceu entre os dias 28 a 31 de outubro em Cartagena, na Colômbia.

Ricardo Pupo Larguesa e Rodrigo Lopes Salgado, sócios-diretores da empresa, participaram do evento, que incluiu visita técnicas, debates e palestras sobre as tendências atuais do setor.

Entre as temáticas abordadas estavam energia limpa e economia, automação, inteligência competitiva e inovação.


Primeiro dia

A programação do primeiro dia foi marcada por uma visita técnica nos terminais Contecar e SPRC (Sociedad Portuaria Regional de Cartagena) do grupo Puerto de Cartagena.

Os visitantes puderam conhecer as instalações dos terminais, seu modus operandi, assim como assistir à apresentação de um projeto de automatização de RTG que o Grupo está implementando.

Projeto de automatização apresentado pelo Terminal

A dinâmica de trabalho dos terminais é interessante porque ele atua como um HUB de transferência de carga conteinerizada, e os grandes armazéns possuem um papel muito relevante no meio de todo o processo”, comentou Ricardo Pupo Larguesa.

Rodrigo Lopes Salgado considerou “interessante o projeto dos dois terminais, que mesmo distantes fisicamente, estão automatizando a operação dos RTGs de forma que haja apenas uma única sala de controle operando os equipamentos em ambos os pátios.”

"No Brasil ainda não vemos nenhuma movimentação prática no sentido da automatização na operação portuária de equipamentos de grande porte. Acredito que numa próxima rodada de investimentos, que os terminais terão que fazer por conta das renovações de concessões, possamos observar o mercado rumar a esta direção estratégica”, finalizou.

Visita técnica nos terminais do grupo Puerto de Cartagena


Segundo dia

O segundo dia contou com painéis sobre economia de energia, produtividade e automação nos terminais.

O destaque, para os diretores da T2S foi o painel “Clean technologies energy reduction & moving towards a zero-emission terminal”, que contou com uma palestra da Kalmar, ministrada por Marcelo Gonçalves, Diretor de Soluções de Equipamentos móveis da América Latina, que apresentou a primeira Reach Stacker totalmente elétrica, recentemente vendida.

A programação contou com painéis sobre diversos temas


Em um aspecto geral, os palestrantes apresentaram os produtos da empresa e destacaram as tecnologias utilizadas que permitem aos equipamentos baixíssimo consumo de energia.

Conforme Salgado, o interessante da solução é o contrato que garante a economia de combustível, pois caso ela não ocorra, o cliente recebe a reposição do valor investido.

Para Larguesa, os resultados apresentados pela empresa e a proposta de economia, chamaram a atenção de gestores, que se interessaram pela solução.

Ainda sobre o tema economia de energia, houve a apresentação de um case em parceria da Identec Solutions juntamente com a ABB. A empresa trabalha com a sensorização de informações da carga de contêineres refrigerados. A tecnologia apresentada promete reduzir de maneira expressiva o consumo de energia para manter a temperatura da carga ao ligar e desligar o refrigerador do contêiner.

Durante o este dia, os diretores da T2S também participaram da palestra da Maersk, que apresentou iniciativas da empresa no formato de Startups, destacando-se o Tradelens e o Twill.

O primeiro é uma plataforma que permite a colaboração entre parceiros comerciais por meio do blockchain e o segundo, é um provedor digital de logística cuja proposta acabar com a complexidade do comércio internacional.

Os participantes também tiveram uma palestra sobre automação, que ressaltou a importância dessa tecnologia para o setor e apresentou alguns produtos e soluções que se encaixam na temática.

Por fim, a programação também apresentou uma palestra dos representantes dos terminais visitados no dia anterior (Contecar e SRPC) a respeito de produtividade e apresentando a arquitetura do projeto de integração entre os dois terminais.

Terceiro dia

O terceiro dia do TOC Americas começou, para os gestores da T2S, com mais uma palestra da Kalmar, que anunciou mais um produto ecofriendly.

O destaque foi a palestra da Moffatt & Nichol, empresa que apresentou ferramentas de simulação e emulação adaptadas para simular a sensorização de equipamentos para testes de escala de TOS (Terminal Operating System) e benchmarking.

Ainda nesse dia, Benjie Wells, vice-presidente da Certus Port Automation, apresentou o painel  “Crane Control”, em que comentou sobre o desafio da implantação de OCR (Optical Character Recognition) em guindastes de um terminal em operação.

O evento reuniu players do setor logístico portuário

Considerações sobre o evento

O enfoque desta edição foi apresentar como tecnologias de automação e economia de energia podem contribuir para a produtividade na cadeia de suprimentos.

Como sempre, o evento agregou bastante e permitiu o relacionamento com os principais players da cadeia de logística portuária”, observou Larguesa.

Para Salgado “é sempre muito produtivo encontrar nossos parceiros internacionais e clientes num mesmo ambiente. São quatro dias em visitas técnicas relevantes, riquíssimas palestras e desafiadoras mesas redondas, moderadas acidamente com o objetivo de instigar a exposição de resultados (bons e ruins). A cada edição do TOC estreitamos mais nossos laços de parceria e amizade com pessoas-chave do mercado portuário global.”


Sobre o TOC Americas

O TOC Americas é parte de um portfólio de eventos que compõem o TOC events. Ele reúne gestores e interessados em soluções para a cadeia de suprimentos. É uma oportunidade para debater questões sobre o setor, e gerar oportunidades de negócios.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fique atento às mudanças do ADE 02

Indústria Portuária: o que muda em 2020

Indústria 4.0: entenda o conceito e as oportunidades que ela promove